Últimas
Publicidade
09 de Julho de 2020

VIOLÊNCIA POLICIAL


Família do jovem baleado pela polícia na Matola, e que veio a perder a vida no hospital pede responsabilização aos autores do crime. O Comando Provincial da Matola confirma o baleado e diz que o mesmo foi acidental.

Uma noite que vai ficar marcada na vida da família Aníbal que chora a morte do filho, James de 21 anos, e a aparente falta de responsabilização dos autores do baleamento, agentes da polícia afectos a primeira esquadra da Matola.

Em comunicado, o Comando Provincial reconhece o erro mas afirma que o jovem quando abordado pela polícia teria respondido de forma hostil o que obrigou os agentes a efectuar o primeiro disparo. E que, de seguida o mesmo agente teria manejado de maneira inadequada a arma que acabou ferindo acidentalmente a vítima. Mas que o processo seguirá outras instâncias da justiça.

Uma acção condenada pela Associação  dos Polícias.

Violência policial que parece ter aumentado durante o período de estado de emergência, com agressão contra cidadãos, alguns casos que acabaram em morte.