Últimas
Publicidade
04 de Agosto de 2020

TRANSPORTE JUNTA


Os últimos flagrantes de imigração clandestina chamaram a atenção do SENAMI que além de responsabilizar os imigrantes, penaliza os transportadores que em muitos casos são coniventes. Uma medida que coloca em alerta os transportadores interprovinciais e internacionais em especial os da Junta.

Alerta máximo de vigilância, esta é a palavra de ordem dos transportadores no Terminal Rodoviário Interprovincial e Internacional da Junta, numa altura em que a Direcção Provincial de Migração da Cidade de Maputo promete penalizar os transportadores que forem encontrados a transportar imigrantes ilegais.

Sem tréguas, qualquer suspeito é motivo de denúncia para as autoridades competentes.

Um redobrar de vigilância que, além da documentação, movimentação de pessoas suspeitas no local, inclui o encaminhamento para o rastreio da COVID-19.

Fora o Terminal da Junta, em todos os pontos de entradas a Direcção Provincial de Migração da Cidade de Maputo reforça a fiscalização contra a imigração clandestina.

Malawianos, Zimbabweanos, Zambianos, Etíopes, Burundeses são as nacionalidades que tentam na maior parte das vezes entrar ilegalmente no território nacional.

 

https://youtu.be/RkKalSGe-30