Últimas
Publicidade
11 de Julho de 2017

POSTURA PREDIAL


No prédio 206 localizado na baixa da cidade de Maputo, por pouco o pior acontecia na semana passada. Um pedregulho que constituía perigo foi removido com sucesso dias depois. Entretanto a semelhança daquele prédio, vários outros encontram-se degradados.

O pedregulho do Prédio 206 localizado na baixa da cidade de Maputo que colocava em perigo a vida dos moradores, e de quem passasse do local, foi removido com sucesso, mas por conta da degradação do prédio Dona Isabel uma das condóminas continua inquieta.

Dona Isabel diz que a falta de contribuições dos condóminos contribui para a degradação do edifício, fora o pedregulho que ainda continua no passeio do prédio, há problemas sérios de infiltração nas casas.

O prédio 206 é apenas o retrato de muitos outros onde a tubagem está rebentada, infiltração nas paredes, elevadores parados, escadas degradadas que de corrimão apenas restou ferro e até lixo nas escadas. Esse foi o motivo que fez com que o chefe da Comissão do Prédio 528, também na baixa da cidade, para além de expor a lista dos devedores, colocasse esta informação que passamos a citar:
Tem se registado diversos entupimentos nas fossas de drenagem na cave do prédio que são provocados por pensos higiénicos que são depositados nas sanitas.
O senhor João Eduardo há 23 anos é chefe da comissão dos moradores deste outro Prédio o 261, com a situação controlada, ele explica a razão de alguns moradores não pagarem as contribuições.

O Imposto Predial Autárquico representa a comparticipação mínima de cada condómino para os encargos públicos da autarquia, o valor mínimo cobrado são 1600 meticais.