Últimas
Publicidade
05 de Agosto de 2020

FIM DE ESTADO DE EMERGÊNCIA


Findo o estado de emergência, estabelecimentos comerciais, com destaque para barracas relaxaram totalmente as medidas, segundo a INAE. Um comportamento que coloca em risco a saúde de todos nós.

A pandemia da COVID-19 ao que tudo indica deixou de ser preocupação dos cidadãos, mas sim a vigência do estado de emergência. Findo o qual a vida voltou a normalidade.

Nas ruas e em vários estabelecimentos comerciais, o incumprimento das medidas é visível. Aglomerados, alguns sem máscaras, outros usam incorrectamente, para não falar dos baldes perfilados que ficaram invisíveis nos olhos de muitos.

Alguns comerciantes estão cientes do relaxamento das medidas mas dizem ser um desafio.

Quem também está preocupado é senhor Bento, que gostaria de ver em breve anunciadas as novas medidas.

Mas há quem acha que a responsabilidade deve ser individual.

Enquanto alguns trabalham para ver relaxadas as medidas, outros há que continuam a desafiar a COVID-19.